Estilo, moda, consumo e como tudo isso afeta a organização do seu armário.

05:00


A organização do armário é um dos maiores problemas das pessoas em geral e representa a grande maioria dos trabalhos solicitados aos profissionais de organização. É tema de um workshop que realizo e de e-book em elaboração. Mas porque será que esse tema é tão visado? De onde vem essa dificuldade em organizar roupas e acessórios?
Podemos começar falando do consumo e a falada ditadura da moda. Existe toda uma indústria focada em criar tendências e novidades a cada estação, com grandes produtores de roupas e acessórios investindo uma boa grana em comerciais para te convencer a gastar cada vez mais em coisas de que não necessariamente precisa. Mais consumo significa armários lotados e difíceis de organizar. Dificulta porque o foco da organização tem que ser nas coisas que você usa, no espaço que você tem. Comprar mais roupas do que cabe no seu armário faz com que, para organizar, você precise aumentar o seu espaço de armazenamento sempre, o que é inviável a longo prazo.
Para resolver esse problema, as alternativas são triagens periódicas para eliminar o que você não usa (doando ou vendendo) e diminuição do consumo. É um pouco nadar contra a correnteza, em busca de algo que de fato faça sentido pra você. Buscar alternativas sustentáveis como reaproveitar as roupas que você já tem é uma saída. Nessa linha, lançar mão da criatividade é super importante para montar um armário funcional.
Outra alternativa que eu também gosto muito é mergulhar em si mesmo para identificar o seu estilo, a sua identidade, e ter um armário que reflita isso. Estilo segundo Cris Guerra (publicitária e escritora) "é a sua verdade, a sua marca, o que é só seu", é o reflexo visual do que você é, da imagem que você quer passar. De acordo com a consultora de estilo Aysha Corrêa "estilo tem tudo a ver com ESCOLHAS, então todo mundo tem o seu, como cada um tem uma música que gosta, um tipo de comida, uma cor, e que tudo isso vai formando nosso estilo.. Porém quando prestamos muita atenção nas revistas de moda, blogueiras, programas de TV acabamos recebendo muitos estímulos externos querendo vender coisas, que não são necessariamente nosso estilo (que vem de dentro) e isso pode trazer muita confusão e acabamos comprando o que a gente não precisa." Por isso, não é a quantidade de peças no armário que vai garantir mais opções de combinações, é a qualidade das peças, o caimento, saber usar os acessórios e a criatividade que vai tornar tudo mais fácil.
Imagina então seu armário só com as roupas que tem a ver com seu estilo, peças clássicas e básicas que te favoreçam. Não precisa de muito, certo? Na verdade nem sempre, não é fácil para todo mundo encontrar seu estilo e saber combinar peças para se valorizar, mas existem profissionais para te ajudar nisso (são as consultoras de estilo). Não tenha vergonha de pedir ajuda se esse for o seu caso.
Acredito que uma consultoria de estilo (para te ajudar a descobrir e potencializar o seu estilo através das roupas e acessórios) aliada a uma consultoria em organização (para você saber como armazenar corretamente, valorizando as peças de acordo com o seu espaço) pode ser um caminho para resolver o seu problema com o armário. E por tabela você ainda ajuda o planeta, sabia que a industria da moda só perde para o petróleo em termos de poluição?
Agora imagina o guarda roupa com poucas peças que tem a ver com seu estilo e servem em você, todas organizadas e bem visíveis...dá até para dormir mais um pouco...Montar a combinação pelas manhãs fica muito mais fácil!
Resumindo, acho que para resolver os seus problemas com o seu armário é preciso além de técnicas de organização, uma revisão nos seus hábitos de consumo, um mergulho em si mesmo para identificar seu estilo. A chave é exercitar um armário coerente, enxuto e organizado, evitando comprar por impulso e pensar nas combinações com as peças que você já tem.

Agradecimento especial a Aysha Corrêa, minha consultora de estilo (sim, eu pedi a ajuda dela pois tinha muita dificuldade nesse assunto) que me deu algumas dicas e bateu um super papo que me inspirou a escrever esse post.

You Might Also Like

1 comentários

  1. nossa me ajudou bastante, tô conhecendo teu blog hoje , beijos

    ResponderExcluir

Faça parte da minha lista!